Review Sleepy Hollow 1x01: Pilot


1781, Guerra Revolucionária- Estados Unidos. Ichabod Crane (Tom Mison) é um professor britânico  recrutado como combatente, mas que deserta de seu posto para trabalhar nas tropas americanas, sob o comando do general George Washington. Deste, o magistrado recebe a missão de matar o homem que se revelaria na costa de Hudson, um mercenário desconhecido que poderia ser identificado pela marca em sua mão. Ichabod aceita o trabalho, mas durante o combate é ferido pela lâmina do seu oponente, e reage cortando-lhe a cabeça. A partir desse momento, os dois homens ficam conectados pelo laço de sangue. Para deter o mal que se manifestava na figura do mercenário, a esposa do professor, Katrina (Katia Winter), bruxa de uma antiga ordem, lança um feitiço em ambos os corpos, em seguida sepultando-os em lugares distintos. Agora, duzentos e trinta e dois anos depois, o antigo mal é despertado, fazendo com que Ichabod se liberte de seu túmulo em um mundo completamente desconhecido.



http://ohvegeta.tumblr.com/
As coisas na cidade começam a mudar, quando a tenente Abbie (Nicole Belahie) perde o seu parceiro e xerife, August Corbin, decapitado pelo cavaleiro sem cabeça. Sem conseguir acreditar na visão daquela figura, a tenente vê em Ichabod, encontrado próximo ao local, a única forma de conseguir explicar os fatos. Porém, ao interrogarem-no, a possibilidade dele ter transpassado séculos apenas leva-os a teoria de o professor ser o assassino.

Porém, Abbie desconfia dos eventos que envolveram a morte do seu mentor. Quando criança, ela e sua irmã presenciaram uma estranha criatura entre as árvores da floresta, como ela afirma ao professor, no sanatório. A tenente, percebe que este seria o único capaz de ajuda-la, quando encontra no escritório do antigo xerife, arquivos referentes casos de ocultismo  na cidade. A esse tempo, o antigo padre  se torna a segunda vítima do cavaleiro. Não entendi  a morte desse personagem, pois ele tinha contribuído para o feitiço sobre Ichabod em 1975 e inclusive deixou uma bíblia sobre o corpo deste. Ele estava na cidade desde aquele tempo como um ser imortal e possuía poderes para impedir os avanços do assassino. O fato do cavaleiro decapitar todas as suas vítimas também é desnecessário, e espero que não vire hábito até por que essa alternativa não traz tanto impacto.

Com o padre retirado da narrativa, o recurso utilizado  para explicar os fatos do passado foi trazer Katrina, que aparentemente está presa em uma espécie de limbo, mas que pode contactar o marido por sonhos e avisar onde estava escondida a cabeça do cavaleiro e que a fraqueza deste seria a luz do dia.



A sequência final, em que Abbie é nocauteada pelo parceiro Andy, que trabalha para o demônio do espelho (apesar da série não ter explicado as razões para tal), ao passo em que Ichabod foge carregando a cabeça do cavaleiro, que estava enterrada no túmulo de Katrina, enquanto dois policiais ativaram na criatura  foi bem elaborada assim como toda ambientação da série, mostrando a cidade como um lugar amplo e ao mesmo tempo misterioso.

Conforme avisara Katrina, o cavaleiro recua diante do amanhecer, mesmo sem aquilo que desejava. Por ter falhado, Andy é morto pelo demônio do espelho com formato de besta, em uma clara referência bíblica. Com isso, a jornada do herói começa para Abbie que desiste de um cargo no FBI para continuar na cidade, investigando os estranhos acontecimentos.


A série deixa claro que o arco central da temporada, será focado no levante dos cavaleiros do apocalipse, e que os clãs de bruxas citados deverão ser as forças por traz deste processo, em uma abordagem muito parecida ao desenvolvido na quinta temporada de supernatural. Confesso que tenho dúvidas sobre a possibilidade da série guiar a trama com qualidade, até por que o cavaleiro já está lá e não desejo que os confrontos fiquem se arrastando até a season finalle. A dupla formada por Abbie e Ichabod também recai no formato de supernatural, apesar do professor ainda ter um caminho a trilhar para se tornar um personagem interessante, além da química dele com sua parceira ainda precisar de trabalhada.

Apesar da trama ser baseada no  filme A lenda do Cavaleiro sem Cabeça, de 1999 estrelado por Johnny Deep e dirigido por Tim Burton, também pode-se perceber uma semelhança com o filme Sombras da Noite, também estrelado pelo referido ator e que retrata o despertar de um vampiro em uma sociedade completamente diferente, séculos depois de seu sepultamento. Por sorte, a série foge ao caráter cômico que isso poderia ter, mas traz um ponto explorado em Harry Potter, pois claramente Ichabod é uma Horcrux, uma vez que está ligado ao cavaleiro. Espero que a trama não seja levada da mesma forma que na saga HP e que Abbie não venha a se tornar uma bruxa, como eu desconfio.

Abaixo, a promo do  próximo episódio que promete focar nos atos de bruxaria.


0 comentários:

Postar um comentário