[Vem aí] O embate entre o destino e a razão em Alto Astral, nova novela das sete


Não se pode negar que a Globo tem tentado inovar em sua dramaturgia com tramas que vão desde a poesia de Meu Pedacinho de Chão até a interatividade de Geração Brasil. Porém, a grande verdade é que essas tentativas tem falhado em sua proposta de levantar a audiência, por motivos que caso eu tenha disposição talvez venham a ser discutidos aqui no blog. Então, se a inovação não tem funcionado, o jeito é voltar para o velho e bom feijão-com -arroz das novelas, assim como o fez Boogie Oogie.  Pois por mais que Alto Astral acrescente alguns aspectos excêntricos, o foco da produção é a combinação tradicional de romance água com açúcar com comédia, padrão típico da faixa das sete. Então, assim como aconteceu com Império e Boogie Oogie, aqui você confere o que esperar da nova novela das sete.


ENREDO

A trama de Alto Astral foca no médico Caíque (Sérgio Guizé) que descobre possuir o dom de falar com espíritos (!) e tem que aprender a lidar com essa habilidade. Além disso, o jovem passa a competir com o irmão mau caráter Marcos (Thiago Lacerda) pelo amor da jornalista Laura (Nathalia Dill), naquele típico amor poético de uma vida inteira como vem sendo retratado nas chamadas da novela. Completa o time de protagonistas, Samantha (Cláudia Raia), uma médica que perdeu seus poderes paranormais, porém mantém a farsa de que ainda possui essa capacidade. Mais elaborada e poética é a sinopse do próprio site da novela.

Alto Astral vai contar uma dessas histórias de amor que desafiam a razão e nos fazem perguntar se não existe mesmo o tal destino. Desde pequeno, Caíque (Sergio Guizé) desenhava o rosto de uma jovem. Quando Laura (Nathalia Dill) surge na sua frente, ele mal consegue acreditar que a mulher que sempre esteve nos seus sonhos existe de fato. A descoberta vai mexer muito com os sentimentos dele - e com os dela também. Como explicar tamanha coincidência? O que eles não imaginam é que a coincidência é ainda maior. Laura é a noiva de Marcos (Thiago Lacerda), irmão de Caíque. E resolver esse triângulo amoroso não vai ser fácil!


ELENCO

Além do núcleo médico envolvendo os atores citados, Alto Astral também conta com um ambiente esportivo e representado por um elenco jovem. Sérgio Malheiros (Da Cor do Pecado) e Guilherme Leicam (Em família) rivalizam nas piscinas e na disputa pelo amor de Gaby, vivida pela it girl Sophia Abrahão (Rebeldes). Já Alejandro Claveaux (O caçador) será o contato direto de Samantha, e apoiará as armações da irmã. Kaiky Britto (Passione), que retorna as telas, completa o núcleo vilanesco da trama. O grande destaque fica por conta da estréia da excelente comediante Mônica Iozzi, que viverá uma patricinha e dá força a parte da comédia do roteiro.

AUTOR

A autoria de Alto Astral é de Daniel Ortiz, um nome pouco conhecido do mercado nacional, pois esta é a estréia do mesmo em terras brasileiras. Algumas fontes indicam que ele trabalhou em novelas nos Emirados Árabes (!), porém ele já atuou como supervisor de Guerra dos Sexos, novela de Sílvio de Abreu que agora assume essa posição na nova produção. Embora o nome de Silvio seja forte, apesar do fracasso de sua última novela, não há muito o que dizer sobre o que esperar dessa colaboração. A direção da produção fica a cargo de Jorge Fernando, que geralmente dirigia as novelas das seis de Walcyr Carrasco e que costuma atuar nas novelas que dirige. 

É. 
Isso é tudo. De longe, Alto Astral parece uma novela genérica e sem muitos destaques além do elenco, e só resta esperar para verificar se ela conseguirá salvar o horário ou repetirá o fracasso de suas antecessoras. 


0 comentários:

Postar um comentário